Próximo intake de novos membros
Dias
Horas
Minutos
Segundos

Teapot Club

conversação em Inglês para quem tem muito a dizer mas trava ao falar

Tudo o que precisas para a fluência num bule de chá gigante

O TEAPOT Club é um programa desbloqueador de conversação em Inglês de acesso exclusivo por subscrição

Combinando aprendizagem em auto-estudo com partilha em comunidade:

descomplica as estruturas que precisas para a fluência em Inglês

mostra, passo-a-passo, como as usar em situações práticas

cria contextos de interação para aplicar com pessoas incríveis

Como membro do clube terás acesso exclusivo a:

Este programa é para ti que desejas:

O que vais encontrar no Teapot Club

Self-paced learning

Mini-cursos How to

Aulas gravadas para te ajudar a desbloquear a conversa em situações específicas (ex. How to talk about your job)

Focus: vocabulary, grammar, sentence construction

Community Learning

Expertease talks

Aulas ao vivo em Inglês com especialistas convidados e interação para perguntas e respostas

Focus: conversation skills and presentation skills

Community Learning

Get-Together

Networking com conversa livre e partilha de ideias sobre os conteúdos e os desafios no processo

Focus: social & networking skills, conversation skills

EUR 99/mês
AOA 99.000/mês

com acesso às aulas, a todo o conteúdo e à comunidade

Próxima oportunidade para entrar:
Dias
Horas
Minutos
Segundos
Dias
Horas
Minutos
Segundos

Entra na Lista de Espera

Perguntas Frequentes

O TEAPOT Club não é um curso mas sim um programa de cursos e recursos para membros, organizado em 12 ciclos mensais (1 ano). O programa tem foco na conversação em Inglês, combinando conteúdo gravado para auto-estudo, com aulas ao vivo com TEAcher, uma comunidade para prática consistente e apoio contínuo.

O TEAPOT Club é um programa direcionado fundamentalmente a pessoas que já tenham bases (mínimo B1) mas não conseguem usar essas bases para comunicar porque travam ao falar. Caso sejas beginner, recomendamos começar pelos cursos Prazer Inglês e Prazer Gramática, ou apoio individual (TEA Pack).

Ao subscrever e pagar a mensalidade, tens acesso a todos os recursos do programa, incluindo: acesso a plataforma com aulas gravadas em mini-cursos e recursos de apoio, aulas ao vivo com convidados e para networking de 15 em 15 dias, dicas diárias de pronúncia, comunidade de apoio e prática em grupo exclusivo no Whatsapp.

Sim. O programa inclui 2 a 3 aulas ao vivo por mês, com diferentes objetivos: Welcome Session para recepção de novos membros do clube sempre que há um intake (pode não ser todos os meses); Expertease Talks para prática de Inglês através de debate de temas relevantes com um guest speaker; Get together para prática de Inglês através de conversação e networking mais livre.

Sim. Para além das video-aulas que podem ser estudadas ao próprio ritmo, todos os temas abordados têm material de apoio relacionado e exercícios para praticar. O material pode ser preparado (infosheets, worksheets, quizzes) ou autêntico (vídeos, áudios, artigos, etc.) curado pelo(a) TEAcher responsável ou pela equipa de suporte.

Uma vez que o TEAPOT Club é um info-produto, não há lugar a reembolso por não ser possível devolver o produto (informação) consumida. Podes desistir a qualquer momento caso sintas que não é o produto certo para as tuas necessidades de Inglês.

O TEAPOT é um formato em grupo, especialmente pensado para quem quer partilhar a aprendizagem, por isso não há foco no apoio individual. No entanto, o Camomile TEA Pack permite combinar o formato em grupo do TEAPOT Club com sessões individuais, resultando no melhor dos dois mundos.

A mentora

Fundadora do TEA. Curiosa, comunicadora, comunicativa, amante de línguas, apaixonada por pessoas. Viciada em chá, chocolate e espaços bonitos para estar pelo prazer de estar.  

 

Yonara Mateus nasceu em Angola, cresceu em Portugal, vive entre os dois mas adora viajar e conhecer o mundo. Fala Português como primeira língua, Inglês como segunda, Espanhol, Francês e Italiano como línguas estrangeiras. Umbundu e Kimbundu são as suas línguas ancestrais.

Tudo isso, combinado com o hábito de questionar o status quo, levou-a a criar o TEA em 2013, como uma resposta rebelde ao sistema tradicional de aprendizagem.

O seu percurso académico começou no desenvolvimento humano e não nas Letras. Talvez por isso a sua visão sobre aprender línguas seja tão diferente. 

Facilita processos de aprendizagem em adultos há 16 anos, como professora, formadora e mentora, mas considera-se cada vez mais learner do que teacher.

A mentora

Select your currency
EUR Euro
×